A precisão do Pilates.

[Blog per_page = "4"]

A precisão é um domínio dos perfeccionistas? Eu acredito que sim, e em nosso método buscamos a precisão dos movimentos que ocasiona um melhor gestual do corpo. Sem precisão o trabalho de Pilates torna-se sem sentido, não é incomum ouvir de instrutores “respira aí que as incursões respiratórias livremente acompanharam o movimento”, ou movimentos com gestual pobre que criam uma retroalimentação negativa na biomecânica corporal,  estes dizeres deixam de lado importantes princípios do Pilates.

Precisão requer completa integração dos músculos. É assim que conseguimos estabilizar determinados segmentos e movimentar outros. Usamos muito isso no Pilates para reabilitação onde estabilizamos as áreas lesionadas enquanto trabalhamos áreas distantes da lesão permitindo que os músculos estabilizadores funcionem adequadamente e fazendo com que as pessoas possam mover em seu cotidiano evitando irritar ainda mais as áreas lesionadas.

Sentimos o trabalho mais profundamente em cada movimento quando realizamos com precisão nos mínimos detalhes. A precisão é a base para a correção no trabalho corporal. Muitas vezes quando os alunos e pacientes realizam os exercícios com precisão eles comentam que sentem coisas que nunca sentiram antes apesar de já terem feito coisas iguais antes. Na maioria das vezes é ajustar pequenos detalhes no corpo, um ou dois graus desta ou daquela forma e subtamente as coisas acontecem. Isso é precisão.  Precisamos da precisão na execução de cada movimento e na ativação de cada músculo.

Um dos objetivos do Pilates é recrutar efetivamente os músculos do tronco e aprender a estabilizar e controlar a coluna vertebral  durante a realização de movimentos dinâmicos, isso requer precisão. Portanto lembrem-se ao praticar o Pilates que um dos pilares (princípios) fundamentais do método é a precisão, caso isso não ocorra em suas aulas algo estranho pode estar acontecendo.

[blog images=”true” cats=”” image_width=”220″ image_height=”225″ per_page=”9″ orderby=”date” order=”desc” offset=”0″ excerpt_length=”50″ meta=”true” full_content=”false” title=”true” pagination=”true” preload=”false” wrap=”true” /]

Um comentário em “A precisão do Pilates.

Deixe uma resposta